quinta-feira, 29 de maio de 2008

Prezado S (AKA Sr Literatura)

Tentei ser educado, quando a imensa maioria me dizia que eu estava sendo muito brando com um cara tão chato. Me disseram (mais de uma pessoa): "Manda ele a merda!" Mas eu quis manter o nível. Foi perda de tempo na minha já corrida vida. É besteira discutir com gente bitolada.

Se você quer mostrar como você decora suas lições de literatura, faça um blog. É fácil! Aposto que vai atrair gente como você.

Eu explico e você não entende. Eu tento ser didático, mas você ignora. Isso prova que todo o seu conhecimento não consegue disfarçar sua falta de inteligência.

Tosco, estreito, pernóstico, arrogante e chato. Muitíssimo chato. O Azaghâl estava com razão quando limou seus comentários. Eles não fazem sentido. E postá-los no JN só reforça a minha idéia de que você precisa aparecer. Consegiu. Ganhou dois Posts aqui.

Eu vou deixar aqui uma lista de coisas que você pode fazer ao invés de encher o saco de quem está se divertindo:

1. Procure uma mulher. Sexo é maneiro, cara.
2. Correr. Correr é bom. Oxigena o cérebro.
3. Se quer ajudar de verdade alguém, tente salvar as baleias azuis. Filie-se ao Green Peace.
4. Faça um Blog de normas e regras literárias.
5. Se olhe no espelho e pondere: você é perfeito? Você é como gostaria de ser? (seja verdadeiro com seu ego).
6. Encha a cara de cerveja, enfie o dedo na goela, vomite e comece tudo de novo.
7. Faça uma pesquisa de campo e tente descobrir porque existem pessoas que preferem ler Paulo Coelho a ler Camões. Pesquise também o grau de instrução dessas pessoas.
8. Inclua na pesquisa a mesma questão, só que envolvendo Dead Kennedys e Led Zeppelin.
9. Leve-se menos a sério. Pode ser um choque, mas você não significa nada para a humanidade. Nem vai ganhar o Prêmio Nobel de Literatura. Aliás, se ganhar, continuará não fazendo diferença.
10. Escreva um conto e publique em um Blog. Pode ser que as pessoas gostem.

Qualquer atividade deve ser mais produtiva do que tentar ao máximo ser um cara odiado.

Agora estou começando a ficar de novo com pena de você. Vou parar por aqui. Dentre as opções acima, eu recomendo a nº1. Você verá como faz bem.

quarta-feira, 28 de maio de 2008

Sobre as suas dicas S:

S, como não sei seu e-mail, vou postar aqui minha resposta. Antes de tudo, obrigado pelas dicas. Vou tentar explicar o meu ponto de vista sobre algumas coisas que você enxerga como erro literário:

1. A onisciência de Ezekiel: Acho que está claro que o rapaz está contando suas memórias. Nesse caso ele pode misturar informações que ele soube depois e as que ele soube na hora do fato. Creio que fica nítido para o leitor isso. Isso pode ser encontrado na trilogia Crônicas de Athur, de Bernard Cornwel, onde Derfel conta inclusive coisas que ele não participou. Justamente aí é meu álibe: Ezekiel não é escritor profissional.

2. A genialidade de Ezekiel: Em momento algum eu escrevi que o Ezekiel bateu os olhos na moto, por exemplo. Ninguém precisa ser gênio para saber a cilindrada de uma moto, ou o calibre de uma arma. Clique na imagem e note que a cilindrada vem escrita na "saia" da moto (isso é extremamente comum em motos).
Uma HKMP5 é inconfundível (principalmente para algum garoto que tenha jogado Couter Strike ou algo do gênero) e talvez não tenha passado pela sua cabeça que Ezekiel já tivesse visto e até atirado com uma. Além do que, você está imaginando que do tempo que ele viveu o fato e o que ele escreveu suas memórias, ele nunca mais tenha visto as armas ou a moto.
Veja como ela é bem diferente de outras sub-metralhadoras, como a Uzi, por exemplo.

3. Dicas gramaticais: Muito bom! Dessa parte não tenho o que falar. No máximo é dizer que eu escrevo isso no intervalo de tempo entre meus 3 empregos. Mas isso não desculpa e é sempre bom aprender um pouco mais.

4. Inconsistência de Ezekiel: Eu passei 8 meses sem poder beber cerveja. Nem por isso deixei de falar sobre cerveja. Hoje eu posso muito bem falar para você que fiquei sem beber cerveja, mesmo se estiver com uma caneca cheia na mão. Veja, ele estava escrevendo sobre cerveja (Sean e Javier bebendo) e lembrou-se que a cerveja irlandesa é muito melhor do que a americana. Inconsistente seria se ele escrevesse sobre cerveja e lembra-se de tubaina.

Os carros de Sean: Não disse que Sean não tinha carros perto de casa. Ele era dono de uma parte grande da cidade, onde ele "reinava". O local é um dos lugares onde ele guarda seu carro. Pode não ter ficado claro e isso é uma dificuldade quando se escreve para a web. Não posso detalhar tanto quanto gostaria.

Ezekiel, 25/17: Eu não sei se você gosta de Tarantino, ou se apenas passou despercebido. O trecho não era da Bíblia. O trecho era do filme Pulp Fiction. Você verá que Javier é um cinéfilo. Eu por exemplo não falo inglês, mas costumo gritar um trecho de Brave Heart inteiro ("for one chance, just one chance, to come back here and tell our enemies that they may take our lives, but they'll never take... OUR FREEDOM!!), apenas porque sou fã do filme.

Para finalizar, eu agradeço de verdade a sua boa vontade em dar dicas em uma área que você domina. Porém, gostaria de salientar que não sou, e nem tenho pretensão de ser um escritor. Eu escrevo por hobbie e não me importo se meu texto é raso, ou tem inconsistência literária. O que eu me importo de verdade é que as pessoas se divirtam. Aliás, é assim em quase tudo o que eu faço amadoristicamente. Eu toco guitarra (muito mal, diga-se), mas a galera se amarra e sempre que eu toco, tem muita gente querendo ver. Inclusive pessoas que tocam muito melhor do que eu! Eu desenho um pouco (tão mal quanto toco guitarra), mas a galera sempre pediu para eu fazer tiras, charges e HQs, porque as pessoas se divertem, ao invés de procurar erros de proporção, traço, perspectiva.

Pense no Sitala como diversão. Se tem gente lendo e gostando, alguma coisa de bom deve ter. Eu sei que para uma pessoa que estuda literatura deve ser duro ver algo tão primário agradar (tipo Paulo Coelho, mas sem os milhões de livros vendidos). Mas não pense que as pessoas gostam porque são ignorantes. Talvez sua mente esteja muito estreita e crítica por causa do seu foco na perfeição.

Abraço.

SITALA Capítulo 03



Acompanhe clicando AQUI

segunda-feira, 26 de maio de 2008

Esse Post vai dar o que falar...

... mas não posso deixar de postá-lo.

Eu vejo todo domingo o programa Manhattan Connection. Dentre os participantes, estão Lucas Mendes, o apresentador; Caio Blinder, jornalista e professor de origem judaica, Diogo Mainardi, colunista da revista Veja e polemista e Ricardo Amorim, economista e dublê de Mr Peabody (o diretor de O Pestinha).

Na semana passada, Caio Blinder comemorou os 60 anos da criação do Estado de Israel e recebeu uma chuva de e-mail anti-semitas. Tal fato fez com que Diogo Mainardi escrevesse um texto sobre o anti-semitismo e a internet (aqui).

Nesse domingo, o assunto voltou à pauta do Programa. Uma telespectadora enviou um e-mail relatando que ficou chocada ao ler a coluna de Mainardi, mas perguntou ao Blinder porque os judeus são tão racistas.

Caio Blinder disse que na verdade era ao contrário. Disse que o judeu é tolerante demais. Para justificar a teoria, deu seu próprio exemplo: Judeu Brasileiro, casado com uma filipina.

No mesmo horário, no também excelente programa Milênio, Silio Boccanera entrevistava Ilan Pappe, professor de história da Universidade de Haifa, em Israel e autor do livro The Ethnic Cleansing of Palestine [A limpeza étnica da Palestina]. Ao toque de um botão no controle remoto, você podia ver Blinder defendendo a tolerância judaica e Pappe defendendo a tese de que Israel planeja uma limpeza étnica em seu território.

Segundo Pappe, o número de árabes cidadão do Estado de Israel, beiram aos 20%. Como é sabido, o crescimento demográfico entre os árabes é maior do que entre os judeus. Isso quer dizer que em médio prazo o Estado Judeu deixará de ser exatamente o que é, se nada for feito. O problema é: o que será feito????

Leia AQUI a entrevista de Pappe para Christopher Brown.

Leia, pondere, e forme sua opinião a respeito. Eu já tenho a minha.

A Melhor Pegadinha de todos os tempos!!!!



SENSACIONAL!!!

Roubado do Blog Sedentario & Hiperativo.

quinta-feira, 22 de maio de 2008

E as Perolas do Acre não param...

Mais um "Bom Acreano" que nos brinda com um comentário oporunono e embasado:

"como existe pessoas ignorantes neste brasil!
pensam que brasil é só o centro oeste do brasil?"

James, um bom Acreano.


James, nós do sudeste somos solidários a você!!! O Brasil não é só o Centro Oeste!!! Mas, me desculpe, o Acre continua não existindo!



O único Acre que eu conheço

segunda-feira, 19 de maio de 2008

10Km Tri FM


Mais uma vez eu corri os 10Km Tribuna FM e meu tempo vem sendo proporcional. Proporcional ao meu peso!!!!

Em 2003, eu pesava 82Kg, tinha 27 anos, e meu tempo foi de 56m. Nesse ano treinei bastante.
Em 2004, o peso era de 86Kg, 28 anos e fiz em 1h02m. Dessa vez eu não tinha treinado quase nada.
Já em 2007, as coisas começaram a "desgringolar" (como diria o filosofo Jorge Poggi). Eu tava com 94Kg, 31 anos e o tempo foi de 1h20.
Esse ano eu quase fui rolando!!! No auge dos 32 anos e com inacreditáveis 103Kg, completei a prova em 1h36m. As sequelas: os dois joelhos bichados!!!
A partir de hj, estou na Dieta Russell. Espero chegar aos 88Kg em 2 meses. Acompanhe essa recuperação nesse Blog, com posts semanais de avaliação física!!!

sábado, 17 de maio de 2008

A Noite Oficial dos OVNIs

Gosto desse caso de avistamento, principalmente pela credibilidade das testemunhas. Dois pilotos da aeronautica, o então presidente da Embraer Oziris Silva e mais uma batelada de controladores de vôo. Como eu sempre digo, OVNI não é disco voador. OVNI é Objeto Voador Não Identificado. Não obstante, atentem para o depoimento do piloto do Mirage. Mach 15???????????????????



Reportagem da época (completa)


Agradecimento ao Guilherme C. Grünewald, que achou essa matéria no Tubo.

quarta-feira, 14 de maio de 2008

Ministra Acreana se demite.

Para o lugar da ministra Marina Silva, Lula chamou o ex-governador do Acre, Jorge Viana.

Acho que a chave de todo mistério está na Pasta do Meio Ambiente.

Mais informações sobre o assunto no Bagaceira.

Atualzação de Post 15/05/2008

Parece que o "acreano" Jorge Viana não quis compactuar com o squema Acre. Por isso foi chamado o carioca Carlos Minc, um dos fundadores do PV, que havia dito que não aceitaria o cargo. Muito peculiar. Precisamos investigar agora algum envolvimento de Minc com a Globo.

terça-feira, 13 de maio de 2008

Se o Acre existe, por que lá não tem escola?

Hoje de manhã eu me deparei com o seguinte petardo verbal:

^^ è uma pena ainda existir ente desse ~sem moral como a pessoa q posta uma asneira desses em um site publico, rapai vc deveria ter era vergonha na sua cara, busque colocar em seus meios de comunicação coisas inteligentes q traga bons frutos aos q disfrutam de sua pagina!

va estudar... é melhor!

Postado por: Beleza do Acre


Não que eu seja um prodígio em Língua Portuguesa, mas um diabo desses ainda me manda estudar??? Pode até ser que o Acre exista (eu pessoalmente duvido), mas as escolas do Acre "no eckssitain"!!!

PS.: A melhor parte é que, eu procurei no relatório de acessos e não encontrei nenhum acreano.

sábado, 10 de maio de 2008

Associação no dos outros é refresco!

Rubens Barrichello (Quem??) critica Felipe Massa por saída da Associação de Pilotos (GPDA).


Várias fontes dizem que Massa saiu por motivos econômicos. A GPDA tem uma cota fixa de € 1.000 e cada piloto deve pagar € 200 por ponto obtido. Isso prejudica aos mais bem classificados no Mundial. O brasileiro (Felipe Massa, que esteja bem claro!) pagou mais de € 20 mil no ano passado e não concordaria com esse sistema.

Ora, tudo bem que o Massa ganha bem, mas 20 mil euros, são 20 mil euros. E não é só pela grana, mas pela falta de coerência. É como se um aluno tivesse que pagar mais mensalidade porque tira boas notas. Ou seu IPVA fosse mais alto porque você não leva multas.

Para Barrichello essa regra (deve ter sido ele que inventou!) está uma maravilha! Ano passado o rapazola pagou milzinho, e olhe lá!

PS.: Em tempo: não comentei a vergonha da Libertadores pela falta de tempo. Mas resumindo, quando um monte de maloqueiro bêbado se acha imbatível e bota salto 15, catástrofes podem acontecer. Festinha para o Joel ANTES DO JOGO? Vai para o inferno!

segunda-feira, 5 de maio de 2008

Campeão!!! (Post em 3 tópicos)

30 Títulos - Ontem o Flamengo sagrou-se bicampeão carioca e se igualou ao rival Fluminense com 30 conquistas. Se igualou o cacete!!! Na verdade, o Fluminense participou do Campeonato desde seu início em 1902 e ganhou 6 títulos sem ter que enfrentar o Rubro-Negro, que teve seu time de futebol inaugurado em 1911. Se contarmos os títulos conquistados após a criação do futebol no Flamengo, é um vareio: 30 x 24(Vinte e quatro!!!???, Hummmm).

Obina Eterno - Tem gente que acha que o cântico das multidões que gritam que "Obina é melhor que Et'o é uma palhaçada e uma tiração de sarro com o o atacante do acarajé. Ledo engano. É demonstração de carinho a um ídolo que, pode não ser o mais habilidoso e nem o mais técnico, mas que sempre vestiu o manto sagrado com respeito e encarna como ninguém o espírito Rubro-Negro! Parabéns e obrigado, Obina!

Bi-Vice - O Botafogo perdeu mais uma vez. Se a cachorrada achou que na Taça Guanabara a derrota foi marcada pela arbitragem, agora eles começam a entender que precisa mais do que bons jogadores para ser campeão. Com esse vice campeonato, o Botafogo passa ser o saco de pancada do Mengão, fazendo com que o Vasco cai (mais uma vez) para o segundo lugar!!!!

E ninguém calaaa… Esse chororôôô… Chora o presidente, chora o time todo, chora o torcedooor… E ninguém calaaa… Esse chororôôô… Chora o presidente, chora o time todo, chora o torcedooor… E ninguém calaaa… Esse chororôôô… Chora o presidente, chora o time todo, chora o torcedooor… “
 
Clicky Web Analytics