quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Esporte faz bem? Neeem fodendo!! Talvez foder faça...


Dizem que esporte é saúde. Depende do que você aceita como esporte. Esporte profissional faz mal para o corpo. Muito mal! Eu estudei com um cara que fazia triatlon e corrida de aventura. O cara uma época ficou muito mau das costas e foi ao médico. No Raio X deu que ele tinha que a coluna dele tinha a idade óssea de 60 anos. Detalhe, ele tinha 27 anos.

Agora eu li essa matéria sobre a Jade Barbosa dizendo da idade óssea do pulso dela. Uma senhora de 50 anos!!!

Não vou aqui citar os lutadores de boxe, mas na minha opinião de leigo, o esporte faz bem até certo ponto. Quando o cara fica maluco tentando extrapolar os limites do corpo, aí começa a fazer mal.

Só para finalizar, não me entendam mal, é uma questão de escolhas. No meu caso, minha ultrasonografia deu que o meu fígado é de 50 anos também. Mas que faz mal, faz!

4 comentários:

Vagner "Zero" disse...

Há muito tempo eu li a frase "Se academia fizesse bem, Jane Fonda não estaria entrevada". Mesmo sem saber se ela tá ou não nesse estado, o inventor do controle remoto morreu aos 93 e o do miojo, aos 95. Com isso conclui-se que é o sedentarismo que faz bem.

Fígado de 50 anos? Com base nas histórias ditas no nerdcast (e.g. o apelido heleninha), teu fígado deveria ter 80 anos!

Abração jack.

Fred disse...

"É uma questão de escolhas." Perfeito. Todo exagero é prejudicial (até sexo, apenas nem tanto) mas praticar uma atividade física é essencial.

Além disso estou chegando a conclusão que o que faz mal é trabalhar.

O atleta profissional acaba com o próprio corpo. O empresário sofre de sobrecargas de stress (ou estresse, como preferirem). O novo profissional (que acabou de receber seu diploma) sofre de descaso e desvalorização que o leva a depressão e outras síndromes. O técnico é tratado como "peão" e "carregador de piano". E o profissional médio (leia-se "comum") sofre diariamente uma carga de cobranças de desempenho e dedicação quase desumanas.

Resumindo, o que faz mal mesmo é trabalhar.

Hugo disse...

Parafraseando Seu Madruga:

"Não existe trabalho ruim, o ruim é trabalhar"

QUEIROZ disse...

Só o que a Chinesada deve ter tocado para a ela, o pulso de muita gente lá deve ter chegado aos 50 anos também.

 
Clicky Web Analytics