segunda-feira, 30 de junho de 2008

Estratégia do Terror

Dessa vez não deu certo! A estratégia do Terror usada pelos times pernambucanos contra os clubes visitantes não deu certo dessa vez. Depois do episódio que acabou com a prisão do presidente e um jogador do Botafogo, a tentativa de atroplemanto de um jogador do "Curitia" na avenida da praia e a distribuição de panfletos com frases ofensivas atribuídas ao técnico do Palmeiras, chegou a vez do Flamengo passar por uma tentaiva de intimidação!

Nessa tarde de domingo, no estádio da Ilha do Retiro, o tentente da Polícia Militar, Valdenio Goldin, entrou no vestiário para levar o jogador Marcinho preso. O motivo alegado é que, durante a comemoração do segundo gol do Flamengo sobre o Sport, Marcinho TERIA jogado água na torcida do Sport.

O jogador acabou sendo liberado porque o torcedor que disse ter sido atingido por um copo d'água não prestou queixa. Assim, Marcinho se juntou à delegação para voltar para o Rio de Janeiro.

Não que no Rio e em SP as coisas sejam fáceis para os visitantes. A diferença é que por aqui as torcidas (formadas por arruaceiros)é que dão trabalho. Lá, parece que diretoria e polícia militar correm juntas contra os visitantes.



Polêmicas a parte: O iluminado Obina fez 2 gols e acabou com esse negócio do Sport (Campeão da segunda divisão de 1987) ser invencível na Ilha de Lost!

4 comentários:

Leobaixista disse...

MENGOOOO!!!
A TÍTULO DE SUPERSTIÇÃO, O ÚLTIMO VISITANTE A VENCER NA ILHA DE LOST, FOI NO MESMO ANO, O CAMPEÃO BRASILEIRO, SE TORNANDO O SEGUNDO TIME A CONSQUISTAR O PENTA!!!
SEI QUE AINDA É CEDO, MAS...
RUMO AO HEXA!!!

Fred disse...

Fernando, pequeno erro em "o 'tentente' da Polícia Militar". Ou eu que não peguei a piada.

thatyfelina disse...

tucano...lamentavel esses seus julgamentos
te admirava..mas percebo um certo preconceito seu quanto ao nordeste...
pena...

O Cão que Atenta. disse...

E pensar que o Obina é cria do Vitória....

 
Clicky Web Analytics