segunda-feira, 26 de maio de 2008

Esse Post vai dar o que falar...

... mas não posso deixar de postá-lo.

Eu vejo todo domingo o programa Manhattan Connection. Dentre os participantes, estão Lucas Mendes, o apresentador; Caio Blinder, jornalista e professor de origem judaica, Diogo Mainardi, colunista da revista Veja e polemista e Ricardo Amorim, economista e dublê de Mr Peabody (o diretor de O Pestinha).

Na semana passada, Caio Blinder comemorou os 60 anos da criação do Estado de Israel e recebeu uma chuva de e-mail anti-semitas. Tal fato fez com que Diogo Mainardi escrevesse um texto sobre o anti-semitismo e a internet (aqui).

Nesse domingo, o assunto voltou à pauta do Programa. Uma telespectadora enviou um e-mail relatando que ficou chocada ao ler a coluna de Mainardi, mas perguntou ao Blinder porque os judeus são tão racistas.

Caio Blinder disse que na verdade era ao contrário. Disse que o judeu é tolerante demais. Para justificar a teoria, deu seu próprio exemplo: Judeu Brasileiro, casado com uma filipina.

No mesmo horário, no também excelente programa Milênio, Silio Boccanera entrevistava Ilan Pappe, professor de história da Universidade de Haifa, em Israel e autor do livro The Ethnic Cleansing of Palestine [A limpeza étnica da Palestina]. Ao toque de um botão no controle remoto, você podia ver Blinder defendendo a tolerância judaica e Pappe defendendo a tese de que Israel planeja uma limpeza étnica em seu território.

Segundo Pappe, o número de árabes cidadão do Estado de Israel, beiram aos 20%. Como é sabido, o crescimento demográfico entre os árabes é maior do que entre os judeus. Isso quer dizer que em médio prazo o Estado Judeu deixará de ser exatamente o que é, se nada for feito. O problema é: o que será feito????

Leia AQUI a entrevista de Pappe para Christopher Brown.

Leia, pondere, e forme sua opinião a respeito. Eu já tenho a minha.

8 comentários:

Fred disse...

Pegou pesado, Fernando, admiro sua coragem.
Vou guardar minha opinião pra mim mesmo desta vez pois minhas idéias são pouco populares.

Daniell disse...

Não sei se dá pra colocar no mesmo saco os judeus seculares e 'diasporados', os judeus ortodoxos e os que vivem no estado de Israel. Só sei que tem um livrinho de capa preta com uma 'certa' fidelidade histórica que mostra, em alguns momentos, que eles não são tão tradicionalmente tolerantes assim. Se mudaram de postura deve ter sido um fenômeno recente, bem recente mesmo.

Anônimo disse...

Eu queria entender uma coisa.Todos os Judeus do mundo ou pelo menos os do Brasil, são a favor do estado de Israel. Concordam com a retirada dos Palestinos, não se importando de que forma isso pode ser feito.

Não sei muita coisa sobre os Judeus, mas desde pequeno meu falecido pai comentava: - Quem manda no mundo são os FDP dos judeus americanos!
Será que ele estava errado?

arabesnopoder disse...

meu pai sempre me disse que judeu bom é judeu...deixa pra lá !

Fred disse...

Um segundo comentário só pra elogiar a terceira parte de Sitala, Fernando, tá mto bacana. :)

André Diegues disse...

Realmente muito bom post, o programa é de fato muito interessante porém Diogo Mainardi, "O Rebelde sem Causa" - diria Roger do Ultraje a Rigor, é uma das figuras mais tristes da mídia, política, literatura nacional.
O rebelde que foi encontrado em sua juventude quebrando vidros de lojas e bancos durante a ditadura com um relógio swatch em seus punhos...
Como diria Millor sobre o episódio de Ziraldo e Jaguar na ditadura:
"Afinal eles não estavam fazendo rebelião, mas sim um investimento!"

Grato.

André Diegues disse...

Realmente muito bom post, o programa é de fato muito interessante porém Diogo Mainardi, "O Rebelde sem Causa" - diria Roger do Ultraje a Rigor, é uma das figuras mais tristes da mídia, política, literatura nacional.
O rebelde que foi encontrado em sua juventude quebrando vidros de lojas e bancos durante a ditadura com um relógio swatch em seus punhos...
Como diria Millor sobre o episódio de Ziraldo e Jaguar na ditadura:
"Afinal eles não estavam fazendo rebelião, mas sim um investimento!"

Grato.

João Pereira disse...

realemnte vai dar o que falar...mas uam coisa é certa...a segunda opção de programa tem mais veracidade. hehehe

abração e continue assim

 
Clicky Web Analytics